Teste de Intervenção

Juan Carlos Muños Robredo / Rewilding Europe

Teste de Intervenção

Teste de Intervenção

Como componente científica do projeto, serão testados os efeitos do pastoreio extensivo com cavalos em estado semi-selvagem na resiliência dos habitats ao fogo, nos invertebrados, nas comunidades de plantas e na qualidade do solo. A principal hipótese é que as paisagens com pastagem ativa por grandes herbívoros em regime semi-selvagem são menos vulneráveis ​​ao fogo devido a uma quantidade reduzida de combustível e maior heterogeneidade espacial.

Cavalos serão introduzidos na área de estudo e espera-se que, se presentes em números e distribuição adequados, esses cavalos iniciem a função de pastoreio no ecossistema. O objetivo é tornar os locais de reintrodução mais resilientes aos eventos de incêndio, proporcionando o tempo e o espaço para quebrar o ciclo de incêndios e permitir o desenvolvimento da floresta. Em última análise, o objetivo é ter ecossistemas mais complexos e diversificados na região.

  • Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.